Foot & Ball






Superbem esta Supertaça

Os profetas da desgraça podem respirar, afinal a pré-época, como o próprio nome indica, serve mesmo para preparar a época e não para provar nada a ninguém, seus tontos. Mas eu percebo, sofremos muitos golos em poucos jogos e a equipa parecia tudo menos unida e constante. Isto na pré-época onde os resultados são tudo menos importantes. Respirem, meus putos, começámos a época superbem com esta Supertaça. O meio campo dominado por Pizzi e 3 golos de 3 avançados resolveram o jogo e provaram que o ataque é a solução para esta defesa que está ainda periclitante. Precisamos de um lateral direito que o André Almeida passou este jogo meio adormecido e o Grimaldo está bem do lado esquerdo, sim senhor, não mexe. Gostei de ver o Varela na baliza embora não demonstre a confiança e a loucura de um Ederson. Vamos também arranjar outro para não andarmos ao “ai, Jesus” o resto da época, combinado? Ainda bem.

Pizzi foi o melhor do jogo, nem sei como ainda tem tantos haters. O homem distribui para a frente e para a trás melhor que uma varinha mágica e quando falha muito ( que não foi o caso desta vez) é porque acerta muito também. Amei ainda a raça e a entrega de Seferovic - a parte de ser uma cara bonita em campo também apreciei  - e o Raúl sendo Raúl, o que sabe sempre bem. Ainda assim, a sair um avançado acho que vai calhar este na rifa porque Mitroglou é mais consistente.

Contas feitas temos afinal o mister que mais troféus já ganhou na história do Sport Lisboa e Benfica, 7ª Supertaça e 14 anos do capitão Luisão. Nada temam, meus caros, entre trocas e baldrocas já sabemos que no fim o que importa é vencer e nisso parece que estamos há algum tempo no bom caminho :)


Olá, Rui. Sou eu outra vez.


Entrevista ao site Remate Digital

RD: Qual foi o melhor jogo que viste na luz?
Filipa: Um Benfica - Porto para a Taça de Portugal. Tínhamos perdido 1-0 no Dragão na primeira volta e, na Luz, entrámos a perder e acabámos a virar o jogo com um golaço do André Gomes. Ganhámos 3 -1 e fomos à final com o Rio Ave. Foi um jogo intenso, não só porque tínhamos perdido na primeira volta mas porque este era o ano após aquele em que tínhamos perdido tudo e sabíamos que não podia voltar a acontecer. Acho que foi neste jogo também que passámos todos a acreditar a 100% que, afinal, tínhamos equipa para voltar a ser campeões.

Ler entrevista completa aqui!


Como eu vi o derby

BENFICA 2 - 1 Sporting


Olá, Rui. Posso dar-lhe uma palavrinha?