Bodas de Trigo, dizem

Há 3 anos foi assim.

02 agosto, 2017


 

Faz hoje 3 anos que conseguimos juntar todas as pessoas importantes na nossa vida para celebrar o amor. O nosso. É esta, para mim, para nós, a versão mais bonita e autêntica do chamado casamento. A mais importante também. Se eu disser que nestes 3 anos não me lembro de termos ficado chateados um com o outro, não estarei a mentir. Acho que só não somos o casal perfeito porque isso não existe e não vou ter medo de soar pretensiosa, se o que sinto e partilho é somente amor. Que os céticos me perdoem mas isto do amor tem mesmo o poder de nos fazer felizes. Ou então nós é que somos pouco ambiciosos. E valerá a pena ambicionar sempre mais se o que temos agora chega-nos e ainda nos sobra em beijinhos e abraços?

Dizem que aos 3 anos de casamento se celebram as bodas de trigo, logo este ano que a produção de trigo diminuiu em 40% porque não houve chuva suficiente. Parece que é aos 3 anos de casamento que a coisa amadurece e se torna visível. Nós que tentamos fugir aos manuais de instruções, acertámos em cheio e o nosso trigo está quase a nascer. Para além de contribuirmos para o aumento da taxa de natalidade pode ser que também sejamos úteis no equilíbrio dos números da produção agrícola.

Ler aqui: Coisas que te acontecem quando casas mas ninguém te vai avisar com antecedência