Música para um recém-nascido ouvir

23 setembro, 2017


Este post não é o que parece. Enervam-me as musiquinhas dos brinquedos, ao estilo de canção de embalar digna do início de qualquer filme de terror. Não sei porquê mas é o que me fazem lembrar. Trabalhei praticamente até ao fim da gravidez e o meu trabalho implica ouvir música umas oito horas por dia. O Eusébio ouviu ainda dentro da barriga o melhor da Pop, o R&B e, claro, o Despacito mais vezes do que a mãe gostaria. Para não ser influenciado apenas pela Mega Hits, a mãe fez questão de ir com ele a um dois concertos no Coliseu, ao NOS Alive, ao Super Bock Super Rock, ao Bons Sons e por aí fora. Dizem que os bebés só gostam das músicas que a mãe sente prazer ao ouvir, logo não valia a pena pô-lo a ouvir música clássica na esperança de que ele virasse o próximo Mozart e me pagasse a reforma, porque not gonu happen! Assim, tenho a certeza que ele adorou ouvir Foo Fighters, Cage the Elephant, Wild Beasts, The XX e afins. São essas as músicas que ele não se cansa de ouvir agora, fora do útero e que gosta ou, pelo menos, não reclama.  Também já devorámos em família o novo disco dos LCD Soundsystem e posso dizer-vos que na hora das cólicas tem funcionado melhor que qualquer barulho de aspirador.

Para além da música que os pais gostam e ouviram durante a gravidez, esta pequena pessoa tem ouvido ainda Rockabye Baby!. Acreditem, papás, vocês vão querer o vosso bebé como fã número um desta banda. Os Rockabye Baby são muitos e vêm de todo o mundo. Um conjunto de músicos que se reúne para adaptar clássicos e hits da atualidade a batidas mais baby-friendly. Basicamente transformam músicas dos, Beatles, Coldplay, Beyoncé, Radiohead, entre outros ilustres, em canções de embalar que vão desde as 75 às 170 bpm’s, ou seja a média de batidas do coração da mãe, e por isto, a cadência natural que o bebé está habituado a ouvir desde o útero. Não é maravilhoso? Podem seguir os Rockabye Baby! no Spotify, ouvir no Youtube ou comprar as músicas no site oficial. “Rockabye Baby makes rock music baby-friendly and kids music adult-friendly”.